Acusado de infidelidade, Marcos Mion confirma veracidade de conversas com modelo e se defende

Variedades

Acusado de infidelidade, Marcos Mion confirma veracidade de conversas com modelo e se defende

A defesa de Mion foi feita através de uma nota emitida pela sua assessoria.
Reprodução Record

Casado desde 2005 e pai de três filhos, Marcos Mion foi acusado por Ana Carolina Jorge de ter dado em cima dela em uma academia, com direito a divulgação de conversas privadas. Ao falar sobre a situação, o apresentador revelou estar perplexo com a repercussão do caso.

A defesa de Mion foi feita através de uma nota emitida pela sua assessoria. A nota afirma que as conversas ocorreram em 2018 e nada mais aconteceu depois disso.

“Marcos Mion está em férias, com a família, fora do país. O apresentador não irá se pronunciar. Tomou conhecimento da publicação, sem autorização, de um trecho de uma conversa privada e está perplexo com a repercussão gerada por uma troca de mensagens datada de 2018 que nunca teve qualquer desdobramento”, diz a nota.

Na última terça-feira (7), o apresentador chegou a também publicar uma mensagem no Twitter. “Ser de mentira é muito difícil. Demanda muito trabalho sustentar todos os dias uma personalidade falsa e ninguém consegue fazer isso por muito tempo sem deslizar. E é aí, no deslize dos falsos, que quem é de verdade e tem um caminho bem mais demorado e tortuoso apenas sorri”, escreveu.

A história teve início quando Ana Carolina Jorge publicou uma conversa com o apresentador, acusando-o de dar uma cantada nela. “Fica muito sem graça a academia sem você sorrindo e pulando corda!”, dizia a mensagem que teria sido enviada por Mion. No post, feito no Instagram, a modelo esconde o restante do conteúdo e escreve: “Parei de acreditar em famílias perfeitas”.

Ainda nas redes sociais, ela afirmou que não publicaria mais nada sobre o caso. “Não vou postar mais nada, o papo encerrou por aqui. Não gosto de hipocrisia, gente que vai na Igreja e dá lição de moral nos outros, mas eu não quero mídia em cima da tristeza alheia”, começou. “Não achei que teria toda essa repercussão. Trago apenas um exemplo de que a vida não é sempre como aparenta”, concluiu.

(Istoé)

Patrocínio

Desenvolvido por: