Divulgação

Empresário Luciano Hang, dono da Havan, é internado com Covid-19

O empresario recebeu criticas durante a pandemia por estimular aglomerações em diversas cidades do país

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

O empresário Luciano Hang, de 58 anos, dono da rede de lojas Havan, testou positivo para a Covid-19 e está internado em um hospital de São Paulo. A mulher dele também está internada.

Hang ganhou repercussão nacional por seu declarado apoio ao presidente Jair Bolsonaro, com quem tem uma relação bem próxima e, inclusive, para quem fez campanha nas ultimas eleições. O empresário catarinense é um dos entusiastas do uso da hidroxicloroquina e da ivermectina, medicamentos sem eficácia científica comprovada, como tratamento contra a Covid-19.

Em dezembro, quando a prefeitura de Pelotas decidiu restringir atividades não essenciais por cinco dias, Luciano Hang liderou um protesto contra a medida e provocou aglomeração na cidade.

O empresário já havia recebido críticas por gerar aglomeração durante a abertura de uma unidade de sua rede em Belém, capital do Pará. Os vídeos que circularam pelas redes sociais mostraram cenas absurdas de aglomerações, totalmente inadequadas para o período em que o país vive, em meio a uma pandemia que ja matou mais de 200 mil pessoas. No vídeo aparecem pessoas amontoadas no lado de fora do estabelecimento, aguardando a abertura da loja e Hang, no interior, estimulando as pessoas, batendo nos vidros e acenando. Relembre abaixo: