Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News

Por 364 votos a favor, contra 130 contra, os deputados decidiram por manter a prisão do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ). Ainda houve 3 abstenções;

Em vídeo, Silveira atacou seis ministros do Supremo: Edson Fachin, Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Gilmar Mendes, Marco Aurélio Mello e Dias Toffoli. O deputado foi detido em Petrópolis, na Região Serrana do Rio, na última terça-feira (16).

A prisão foi determinada pelo ministro Alexandre de Moraes. Na decisão, Moraes definiu que o mandado deveria ser cumprido “imediatamente e independentemente de horário por tratar-se de prisão em flagrante delito”.