Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News Entre no grupo do Whatsapp

Um jovem de 18 anos armado com um facão invadiu hoje uma creche municipal em Saudades, a 446 km de Florianópolis (SC), e desferiu golpes em crianças e adultos dentro do estabelecimento de ensino, segundo a Polícia Militar. A PM confirmou cinco mortes, sendo três de crianças. A informação é do UOL.

Duas crianças morreram no local e, segundo a Polícia Civil, uma terceira veio a óbito após atendimento médico no hospital em Saudades. Todos são alunos e tinham menos dois anos, confirmou o delegado Jerônimo Marçal. Já entre as adultas, uma professora morreu no local e uma funcionária da creche foi hospitalizada, mas não resistiu.

De acordo com a PM, o atentado aconteceu na CEI (Centro de Educação Infantil) Pró-Infância Aquarela, para crianças de até 3 anos, quando o homem entrou e “golpeou com arma branca tipo facão” professores e alunos. Depois, ele tentou se matar, mas foi interrompido por populares e está internado em estado grave. Saudades tem população de cerca de 9 mil pessoas e fica na região de Chapecó, no Oeste de Santa Catarina.

Fachada da Creche Aquarela, em Saudades (SC), alvo de atentado
Imagem: Divulgação/Prefeitura de Saudades (SC) .

Ele foi preso na rua após tentar fugir, sendo encaminhado para atendimento médico e estado grave no Hospital Beneficente de Pinhalzinho, cidade vizinha. O rapaz não tem passagem pela polícia.

De acordo com a Polícia Civil, o jovem invadiu a escola por volta das 10h. Ele primeiro atacou uma professora de 30 anos que estava na entrada do prédio. A vítima chegou a correr do suspeito, mas foi alcançada pelo homem e morreu na escola. Após atacá-la, ele teria entrado em uma sala de aula e desferido os golpes nas crianças.

Veja a cobertura completa em UOL