Com dívidas, rede de restaurantes Madero pode fechar em até um ano – Porto Alegre 24 horas

Com dívidas, rede de restaurantes Madero pode fechar em até um ano

Auditores apontam que, com o valor em caixa, rede não pode pagar dívidas até o prazo de vencimento sem financiamento
Foto: Divulgação

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

A rede de restaurantes Madero, comandada pelo chef e empresário Junior Durski, pode encerrar as atividades em breve. Segundo o jornal Valor Econômico, o grupo afirmou que não há garantias de que consiga honrar suas dívidas de curto prazo antes dos vencimentos.

Em nota, a rede afirma haver “dúvidas substanciais sobre a capacidade de continuidade operacional da companhia dentro de um ano”.

Dois estudos de auditores da rede feitos desde o início da pandemia, mostram que o dinheiro em caixa da empresa não é suficiente para pagar as dívidas de curto prazo na data do vencimento sem financiamento adicional.

No início da pandemia, Junior Durski, apoiador assumido do presidente Jair Bolsonaro, publicou um vídeo nas redes sociais criticando as medidas adotadas pelo governo federal a respeito do avanço da pandemia do novo coronavírus. Sócio de Luciano Huck, Durski afirmou que a economia não deveria parar por conta da “morte de cinco ou sete mil pessoas”.

“Estou preocupado com o Brasil, com a situação toda, com o pequeno empresário, o vendedor de pipoca, a pessoa que tem um mercadinho, um restaurantinho, um barzinho. Esse vai quebrar e não vai ter o que fazer. Estou preocupado com os 30 milhões que não terão emprego em 2021”, disse, em março de 2020. (Metrópoles)

Mais noticias do Porto Alegre 24 horas

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade