Dupla acusada de planejar assassinato de Sergio Moro é morta na prisão nesta segunda-feira
Search
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Dupla acusada de planejar assassinato de Sergio Moro é morta na prisão nesta segunda-feira

Após os assassinatos, o trio responsável assumiu a autoria e se entregou

Compartilhe esta notícia

Na tarde desta segunda-feira (17), os dois acusados de integrar um plano para sequestrar e assassinar o senador Sergio Moro foram mortos na Penitenciária Maurício Henrique Guimarães Pereira, em Presidente Venceslau (SP). A dupla teria sido morta a facadas. Ainda não foi esclarecida a motivação para as execuções.

Janeferson Aparecido Mariano Gomes e Reginaldo Oliveira de Sousa, ambos de 48 anos, haviam sido presos em março de 2023, durante a Operação Sequaz, que investigou o plano elaborado pela facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) contra agentes públicos.

Segundo o G1, a dupla foi assassinada após o almoço durante a saída para o banho de sol. Gomes teria sido arrastado para um banheiro e atacado por um trio de presidiários. Já Sousa teria sido atacado no pátio da prisão. Após os assassinatos, os três assumiram a autoria e se entregaram.

Cobertura do Porto Alegre 24 Horas

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Porto Alegre 24 Horas nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Tem também o nosso grupão do Telegram e no Whatsapp.

Siga o Porto Alegre 24 Horas no GOOGLE News!