Astrônomos detectam sinais de rádio misteriosos vindos do espaço
Search
Search
Foto: ESA/Euclid/Euclid Consortium/NASA, processamento de imagem por J.-C. Cuillandre (CEA Paris-Saclay), G. Anselmi

Astrônomos detectam sinais de rádio misteriosos vindos do espaço

Estudo publicado na revista ‘Nature’ busca entender fenômeno intrigante

Compartilhe esta notícia

Um fenômeno intrigante tem chamado a atenção dos astrônomos: pulsos de rádio com diferentes níveis de brilho emitidos por uma fonte misteriosa. Segundo um artigo publicado na revista Nature, os cientistas estão em busca de compreender a origem desses sinais, que podem ser atribuídos a uma estrela de nêutrons, embora outras possibilidades não sejam descartadas.

O pesquisador Emil Lenc explica que, geralmente, os sinais transientes de rádio provêm de estrelas de nêutrons em rotação, conhecidas como pulsares, que emitem flashes regulares de ondas de rádio, agindo como faróis cósmicos. No entanto, o sinal observado possui características únicas: um ciclo de quase uma hora de duração, além de emitir flashes longos e brilhantes, pulsos rápidos e fracos, e às vezes permanecer silencioso durante várias observações.

“A origem desse sinal permanece um mistério profundo. É possível que seja uma estrela de nêutrons muito incomum, mas outras possibilidades não podem ser descartadas”, afirma o pesquisador. O sinal também intrigou os cientistas devido às suas ondas de rádio “circularmente polarizadas”, indicando uma rotação peculiar enquanto viaja pelo espaço, algo incomum na astronomia.

Lenc ressalta que, embora uma estrela de nêutrons de rotação lenta seja a principal suspeita, a possibilidade de o objeto ser uma anã branca não pode ser descartada. Anãs brancas são remanescentes estelares do tamanho da Terra, formadas quando estrelas como o Sol esgotam seu combustível nuclear.

A busca pela origem desses sinais misteriosos continua, desafiando nossa compreensão do cosmos e destacando a complexidade do universo que habitamos.

Cobertura do Porto Alegre 24 Horas

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Porto Alegre 24 Horas nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Tem também o nosso grupão do Telegram e no Whatsapp.

Siga o Porto Alegre 24 Horas no GOOGLE News!