Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News Entre no grupo do Whatsapp

O grande volume de pessoas que esperam atendimento em postos de saúde de Porto Alegre chama a atenção. No Pronto Atendimento Cruzeiro do Sul (PACS), os pacientes além de ficar expostos ao sol, em fila única, esperando atendimento ainda convivem com o fechamento da tenda, e os pacientes covid e não covid aguardam atendimento no saguão todos juntos.

Os servidores do local alegam que a redução de pessoal, agravada pela pandemia, tem precarizado o serviço. Os profissionais estão exaustos, sem férias, e em regimes de plantão. De acordo com os funcionários, a tenda segue no pátio e a prefeitura continua pagando pela locação dela, porém está em desuso há mais de uma semana, e o número de pacientes voltou a aumentar nesta quarta-feira (14) e somente 2 médicos estavam de plantão para atender a demanda. A comissão de trabalhadores está cobrando, porém ainda não obtiveram retorno.

Imagem: Porto Alegre 24 Horas