Caminho de Compostela inspira trajeto para peregrinos na Capital

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp




Uma das rotas de peregrinação mais conhecidas do mundo, o Caminho de Santiago de Compostela, na Espanha, inspirou a criação de um projeto semelhante na Capital. Com a proposta de estímulo ao turismo religioso, foi lançada, no Centro Espanhol, a primeira edição do Caminho de Porto Alegre. A iniciativa foi proposta pela Frente Parlamentar de Turismo da Câmara Municipal (Frentur), em conjunto com o departamento de Turismo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE) e a Associação dos Amigos do Caminho de Santiago no Rio Grande do Sul. Serão 20 quilômetros percorridos a pé a partir de três opções de largadas, sendo duas do Centro Histórico da Capital e uma do bairro Assunção, passando pela orla até o bairro Guarujá. O primeiro encontro do grupo está agendado para o dia 3 de setembro.

O percurso turístico-religioso é semelhante ao Caminho de Santiago de Compostela, na Espanha, percorrido por dezenas ou centenas de milhares de pessoas todos os anos. Tradicionalmente, os peregrinos que chegam à catedral de Santiago requerem a “compostela”, um documento emitido e outorgado pelas autoridades eclesiásticas que comprova a peregrinação. Para obtê-lo, o peregrino precisa provar a conclusão de pelo menos os últimos 100 quilômetros do Caminho a pé ou a cavalo, ou os últimos 200 quilômetros em bicicleta. A comprovação é atestada mediante a apresentação da “credencial do peregrino”, uma pequena caderneta de papel que é carimbada ao longo do percurso, em igrejas, albergues e também outros locais como postos de turismo, sedes municipais ou até cafés e restaurantes.

Atualmente a Catedral de Compostela também tem concedido a comprovação aos peregrinos que completam 80 quilômetros a pé, mediante a apresentação de comprovante de conclusão de outro caminho de 20 quilômetros, percorridos em territórios reconhecidos. O Caminho de Porto Alegre, com uma rota de 20 km, posteriormente deverá servir como comprovação para obtenção da Compostela. Informações e inscrições neste link.