Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News

Na manhã desta terça-feira (2) ainda com os ânimos exaltados no BBB 21, após o jogo da discórdia proposto por Tiago Leifert, Karol Conká resolveu refletir sobre seu comportamento abusivo com o brother Lucas Penteado. Em conversa com Nego Di e Sarah, a rapper reconheceu que exagerou em alguns momentos.

“Não acho legal ficar encarando. Isso é intimidador e eu não aceito. Reconheço que exagerei em algumas coisas que falei, mas é porque eu estava estourada. Foram três dias. Não estou tentando justificar nada. Agora assim, ele pode surtar e eu não posso. Dei uma surtada e está tudo bem”, disse.

E ela continua: “Serviu de alguma coisa o sermão que eu dei, e por mais que ele tenha falado bonito ali, as pessoas estão assistindo. Falei coisas que não precisava, eu falei ‘você é um merda’ e não precisava, mas é um modo de dizer. Eu estava nervosa, entendeu? Assim como compreendem quando um garoto desses dá um surto eu também sou merecedora de compreensão.”

Karol Conká segue seu desabafo: “Não adianta comprarem briga na casa porque a qualquer momento a gente pode voltar a se falar e ficar se amando. Ele gosta de mim e eu gosto dele. As pessoas ficam comprando uma treta que não é com elas. Ele ficou provocando. Ele quer isso, faz parte do jogo dele para se fazer de vítima lá fora. E aqui representa lá fora também, tem gente que concorda comigo. Não cometi nenhuma injustiça a não ser falar demais”.

Catraca Livre