água
Foto: Reprodução

Dmae esclarece sobre desabastecimento de água em bairros da Zona Sul de Porto Alegre

Bairros estão sofrendo com a falta de água devido a obras do Dmae.

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

Bairros como Cristal, Nonoai, Vila Nova e Cavalhada estão passando por obras de setorização do subsistema Cascatinha-Catumbi, com instalação de mais registros para reduzir a área desabastecida durante consertos e agilizar o retorno da água. Ao final da obra que deve seguir até abril de 2022, o Dmae estima que serão 91 mil pessoas beneficiadas. O investimento é de R$ 7,27 milhões em recursos próprios do Departamento.

Para o andamento dessas obras imprescindíveis para a melhora no sistema de distribuição de água, é necessário interromper o abastecimento aos bairros contemplados ou parte deles. Os serviços programados e divulgados com antecedência aos moradores têm a previsão de término por volta das 21h, com normalização ao longo da madrugada. Na última semana, foram realizados serviços programados e que atingiram parte da Vila Nova na terça e quinta-feira, 6 e 8.

No entanto, na última semana, além das paradas programadas para as obras, a estação de bombeamento São Jorge apresentou problemas que acabaram afetando outras áreas dos bairros Vila Nova e também Belém Velho. São situações emergenciais, ou seja, não programadas, e que afetaram a conclusão dos serviços dentro do prazo.

Técnicos do Dmae já estão trabalhando para normalizar o fornecimento de água e diminuir o impacto aos moradores.

Santa Tereza- Segunda e quarta-feira, 5 e 7, ocorreram serviços programados de interligação de redes novas e corte da rede antiga. O serviço é essencial para as obras de substituição de redes de água na rua Gibran Khalil Gibran, o que também vai melhorar o abastecimento da região.

Devido ao serviço, foi preciso interromper o abastecimento aos bairros Medianeira, Nonoai, Santa Tereza, Teresópolis, Jardim Europa, Alto Teresópolis, Conj. Residencial Jardim Medianeira, Vila dos Comerciários e Vila Orfanatrófio 1 e 2.

Entretanto, nesta região, após os serviços programados, ocorreram rompimentos em redes que precisaram de ações emergenciais (não programadas) para conserto, o que manteve a interrupção do abastecimento aos bairros. Ao final da sexta-feira, 9, por exemplo, uma adutora de 400 milímetros de diâmetro rompeu na avenida Cruzeiro, e a água teve de ficar fechada aos bairros Santa Tereza e Vila Cruzeiro. A normalização ocorreu ao longo do sábado, 10.

Caso ainda haja falta de água, o Dmae pede que os moradores entrem em contato por meio do fone 156 opção 2 ou pelo aplicativo 156+POA. As atualizações são informadas, dentro do possível, no Twitter @dmaepoa.