Porto Alegre recebe 500 bicicletas elétricas para aluguel
Search
Search
Foto: Pedro Piegas / PMPA

Porto Alegre recebe 500 bicicletas elétricas para aluguel

Prefeitura e Tembici unem esforços para aprimorar a mobilidade urbana na capital gaúcha.

Compartilhe esta notícia

Neste sábado, 21 de outubro, a cidade de Porto Alegre deu as boas-vindas a 500 novas bicicletas elétricas no seu sistema de compartilhamento, em uma parceria entre a empresa Tembici e a Prefeitura. O evento de lançamento aconteceu às 9h na Estação 41, situada na avenida Padre Cacique, em frente ao Museu Iberê Camargo, e contou com a presença do prefeito Sebastião Melo.

Além disso, foram anunciadas a entrega total da expansão do sistema, que inclui 100 estações e mil bicicletas compartilhadas em toda a cidade. A ocasião também foi marcada pela presença da equipe de Educação para o Trânsito da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), que esteve no local para promover a conscientização sobre o comportamento seguro no uso das bicicletas, visando a coexistência harmoniosa entre ciclistas e demais usuários das vias.

Essas bicicletas elétricas, limitadas a uma velocidade de 25 km/h e equipadas com tecnologia de pedal assistido, oferecerão uma alternativa de deslocamento eficiente em Porto Alegre, tornando mais acessíveis os trajetos mais longos e variados, com menor esforço por parte dos ciclistas. Esta iniciativa reforça o compromisso da cidade em alcançar suas metas sustentáveis e promover uma mobilidade mais amigável ao meio ambiente.

De acordo com o prefeito Sebastião Melo, “Porto Alegre se destaca como a terceira maior operação da Tembici no Brasil, com apenas São Paulo e Rio de Janeiro superando nossa quantidade de bicicletas compartilhadas. Estamos apoiando iniciativas como essa porque acreditamos na integração de diversos modos de mobilidade.”

O secretário de Mobilidade Urbana de Porto Alegre, Adão de Castro Júnior, destacou que “a expansão do serviço de bicicleta compartilhada e a introdução das bicicletas elétricas fazem parte do nosso projeto de aprimoramento da mobilidade urbana da cidade. Ao ampliar o sistema, estamos aproximando-o do transporte público, instalando estações próximas aos grandes terminais, o que é fundamental para aqueles que utilizam bicicletas como meio de transporte diário.”

O uso das bicicletas elétricas estará disponível mediante uma taxa adicional de R$ 3,50 sobre o plano contratado ou, no caso de uso avulso, com um acréscimo de R$ 0,60 por minuto. O sistema oferece diversas opções de planos, desde o uso único até assinaturas mensais e anuais, para atender às diferentes necessidades dos usuários.

Essa expansão do sistema de compartilhamento de bicicletas reflete o compromisso de Porto Alegre em oferecer uma mobilidade urbana mais sustentável e acessível, ao mesmo tempo que contribui para a redução das emissões de CO2 na cidade. Para mais informações sobre os planos e inscrições, os interessados podem acessar o site Bike Itaú e fazer o download do aplicativo disponível na Apple Store ou no Google Play.

A Tembici, líder em tecnologia para micromobilidade na América Latina, tem desempenhado um papel significativo no aprimoramento da mobilidade em diversas cidades brasileiras e latino-americanas, contribuindo para uma redução expressiva nas emissões de CO2 e promovendo opções de transporte sustentável. Em 2022, a empresa se destacou ao realizar o primeiro leilão de créditos de carbono por micromobilidade no mundo e alcançou o status de maior empresa B de bicicletas compartilhadas.

Com a informação Prefeitura de Porto Alegre

Cobertura do Porto Alegre 24 Horas

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Porto Alegre 24 Horas nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Tem também o nosso grupão do Telegram e no Whatsapp.

Siga o Porto Alegre 24 Horas no GOOGLE News!