Macron dissolve o Parlamento francês e convoca novas eleições
Search
Search
Foto: Reprodução/X

Macron dissolve o Parlamento francês e convoca novas eleições

Macron expressou preocupação com a ascensão da extrema direita, afirmando que isso representa um perigo para a Europa

Compartilhe esta notícia

O presidente da França, Emmanuel Macron, dissolveu o Parlamento neste domingo (9) e convocou novas eleições legislativas antecipadas, após a derrota de seu partido, o REM, para o partido RN, de Marine Le Pen, nas eleições do Parlamento Europeu.

Macron expressou preocupação com a ascensão da extrema direita, afirmando que isso representa um perigo para a Europa. “O resultado das eleições da União Europeia não é bom para o meu governo”, disse ele. “Decidi devolver-lhes a escolha do nosso futuro parlamentar através da votação. Estou, portanto, dissolvendo a Assembleia Nacional.”

As novas eleições ocorrerão em dois turnos, nos dias 30 de junho e 7 de julho. A decisão foi anunciada enquanto os primeiros resultados das eleições parlamentares da União Europeia eram divulgados.

Marine Le Pen, em um comício neste domingo, declarou: “Estamos prontos para assumir o poder se os franceses nos derem a sua confiança nas próximas eleições nacionais.”

Cobertura do Porto Alegre 24 Horas

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Porto Alegre 24 Horas nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Tem também o nosso grupão do Telegram e no Whatsapp.

Siga o Porto Alegre 24 Horas no GOOGLE News!