Empresas Gaúchas ganham acesso a Crédito Emergencial do BNDES
Search
Foto: Imagem Ilustrativa / Giulian Serafim/PMPA

Empresas Gaúchas ganham acesso a Crédito Emergencial do BNDES

R$ 15 bilhões serão liberados para recuperação econômica de negócios afetados por desastres naturais

Compartilhe esta notícia

Na próxima quarta-feira (10), o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) começará a liberar R$ 15 bilhões em crédito emergencial para empresas do Rio Grande do Sul. A iniciativa abrange empresas de todos os tamanhos, cooperativas, produtores rurais, transportadores autônomos e empresários individuais que sofreram prejuízos devido a eventos climáticos extremos.

O crédito será destinado a áreas definidas pela Empresa de Tecnologia e Informação da Previdência (Dataprev S.A.), conforme a Portaria do Ministério da Fazenda nº 1.098, de 4 de julho de 2024. O objetivo do programa é sustentar a capacidade produtiva, os empregos e a renda das empresas afetadas pelos desastres naturais.

O BNDES Emergencial disponibiliza três linhas de financiamento: Máquinas e Equipamentos, Investimento e Reconstrução e Capital de Giro. As condições incluem taxas de juros entre 0,6% e 0,9% ao mês, com prazos de até 10 anos para pagamento. Os créditos visam a compra de equipamentos, reconstrução de instalações e suporte financeiro para necessidades imediatas.

Além disso, foram aprovadas medidas adicionais como a suspensão de pagamentos por 12 meses e a extensão dos prazos de financiamento, totalizando um alívio financeiro de R$ 6,9 bilhões. Para apoiar micro, pequenas e médias empresas, o BNDES disponibilizou mais de R$ 500 milhões em garantias, potencializando até R$ 5 bilhões em novas operações de crédito.

Com a informação BNDES.

Cobertura do Porto Alegre 24 Horas

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Porto Alegre 24 Horas nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Tem também o nosso grupão do Telegram e no Whatsapp.

Siga o Porto Alegre 24 Horas no GOOGLE News!