Reprodução/Band

Prioridade absoluta é vacina e Auxilio Emergencial, diz presidente do Senado

Afirmação foi feita após reunião com Lira e ministros

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

Os presidentes da Câmara e do Senado, Arthur Lira e Rodrigo Pacheco, se reuniram, na tarde desta sexta-feira (12), com o ministro da economia Paulo Guedes e o ministro da Secretaria de Governo Luis Eduardo Ramos, para tratar do Auxilio Emergencial.

Pacheco reforçou que a prioridade do congresso é, além da continuidade do auxílio, a vacinação dos brasileiros contra a Covid-19 para a pronta retomada da economia. Segundo o presidente do Senado, a expectativa é que o pagamento do benefício seja realizado por, pelo menos, mais quatro meses.

Paulo Guedes se mostrou flexível e acenou com a possibilidade da continuidade do benefício, mas pediu colaboração do Congresso quanto a aprovação de reformas.