Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News Entre no grupo do Whatsapp

Enquanto os cidadãos aguardam pela aprovação da nova rodada do auxílio emergencial, a Caixa Econômica Federal (CEF) recomenda que os usuários atualizem os dados no Caixa Tem. O aplicativo foi criado para viabilizar os pagamentos do benefício.

De acordo com a instituição bancária, essa atualização dos dados cadastrais tem o intuito de promover “mais segurança, vantagens e praticidade” aos beneficiários.

Na oportunidade, a Caixa Econômica ressaltou que este procedimento esta relacionado aos depósitos que devem ser feitos nas contas já criadas durante a primeira fase do benefício.

É importante ressaltar que a atualização dos dados cadastrais pode e deve ser feita por meio do próprio aplicativo Caixa Tem. Não havendo a necessidade de se dirigir até uma das agências da Caixa Econômica para realizar esse processo presencialmente.

Além do mais, o banco declarou que este procedimento acontecerá de forma escalonada, com base no mês de nascimento de cada beneficiário.

Vale mencionar que no decorrer dos meses em que o auxílio emergencial esteve vigente no ano de 2020, uma série de novas ferramentas foram agregadas ao Caixa Tem no intuito de otimizar os serviços.

Sendo assim, além de apenas receber o valor do benefício, o cidadão também pode pagar contas, efetuar pagamentos, transferir valores e utilizar o cartão de débito virtual.

Quem deve atualizar os dados na poupança?

Todos os cidadãos que receberão o auxílio emergencial na rodada de 2020, e com isso, foram inclusos como clientes da Caixa Econômica.

Vale lembrar que a atualização de dados não garante acesso direto a nova rodada de pagamentos do auxílio.

Etapas da atualização no Caixa TEM

Assim que o processo de atualização estiver disponível no aplicativo, basta que os usuários sigam este passo a passo:

  • Acesse o aplicativo Caixa TEM no seu celular, usando seu login e senha
  • Clique em “atualizar seu cadastro”
  • Envie a documentação solicitada: foto (selfie) e documentos pessoais (RG, CPF e comprovante de endereço).

Calendário de atualização

(FDR)