Foto: Luciano Lanes/PMPA

Governador anuncia linha de crédito para apoiar pequenas empresas afetadas pela pandemia

Leite anuncia linha de crédito para apoiar pequenas empresas afetadas pela pandemia

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

Do Sul21

O governador Eduardo Leite anunciou, nesta quarta-feira (24), a disponibilização de cerca de R$ 34 milhões para investimentos e capital de giro de pequenos negócios afetados pela crise econômica e os impactos decorrentes das restrições impostas pela pandemia do coronavírus no Rio Grande do Sul. O valor será repassado por meio do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), em parceria com o Banco Europeu de Investimento (BEI).

“Nosso governo trabalha em todas as frentes para enfrentar as consequências da doença, o que envolve não apenas melhorar a estrutura de saúde, como já fizemos, mas também oferecer apoio para a manutenção de negócios”, explicou o governador. “O capital de giro é aquele dinheiro que falta no dia a dia dos negócios de muita gente, seja entre pequenas empresas ou empresas maiores, e nós sabemos que o faturamento está bastante prejudicado.”

O prazo para começar a pagar o financiamento é de até dois anos, tempo que o governo avalia como importante para que pequenos empresários se reorganizarem e voltem a ter receitas. “Neste momento, tudo isso é positivo porque, infelizmente, ainda vamos atravessar muitos momentos de oscilação durante a pandemia”, alertou o governador.

Leite ainda disse que o BRDE financiou, desde o ano passado, R$ 44,7 milhões para empresas do setor turístico que também sofrem os impactos da crise e das restrições adotadas para tentar conter a contaminação no RS. Para os setores de eventos e produção cultural, o governador afirmou que também foram financiados R$ 13,5 milhões.

“O BRDE e as demais instituições do sistema financeiro estadual, o Banrisul e o Badesul, estão com dinheiro disponível para apoiar as empresas de todos os portes, em especial as pequenas. Sabemos que essas ações não resolvem todos os problemas das nossas empresas, mas estamos fazendo tudo o que pode ser feito por um governo do Estado. Nosso objetivo é oferecer alternativas para aliviar os prejuízos gerados pelas severas e necessárias restrições que promovemos nas últimas semanas”, afirmou o governador.

Para informações sobre linhas de crédito e outros programas de apoio do BRDE, as empresas interessadas devem acessar o site da instituição.