Torcida Guarda Popular é suspensa por conivência ao tráfico de drogas – Porto Alegre 24 horas

Torcida Guarda Popular é suspensa por conivência ao tráfico de drogas

A ocorrência aconteceu fora do Beira-Rio, em um local de confraternização nas intermediações do estádio.
Foto: Ricardo Duarte | S.C.Internacional

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

A torcida organizada do Internacional, Guarda Popular, está no momento suspensa de frequentar o Estádio Beira-Rio. A ação acontece por conta de conivência para uso e tráfico de drogas.

Confira nossos perfis no Instagram, TwitterFacebook e Telegram e tenha acesso a todas nossas notícias.

“Tivemos uma ocorrência de posse de drogas, uma dela de tráfico de drogas e resultou em prisões. Isso gerou a punição da torcida organizada Guarda Popular”, disse à rádio Grenal o juiz do Juizado do Torcedor, Marco Aurélio Martins Xavier.

“O tráfico de drogas no ambiente dos estádios é uma coisa que tem que ser repelida pelas torcidas organizadas sob pena de não poder funcionar”, complementou.

A ocorrência aconteceu fora do Beira-Rio, em um local de confraternização nas intermediações do estádio. O juiz ainda reiterou a conivência da Guarda Popular com o tráfico de drogas.

“Torcida organizada é para torcer. Uma vez que ela é conivente com tráfico de drogas, algo precisa ser feito. Não é um comportamento banal. Tem crianças dentro do estádio”, concluiu. (Portal RC)

Mais noticias do Porto Alegre 24 horas

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade