O pugilismo está de luto. O ex-campeão do mundo de pesos ligeiros, no final da década de 1990, Jean-Baptiste Mendy, morreu de câncer no pâncreas, nesta segunda-feira num hospital de Paris.

“Foi tudo muito rápido. Fiquei a par da sua doença no final de junho, início de julho, e depois tudo sucedeu numa escalada vertiginosa”, referiu em declarações ao diário L’Equipe Ellyson Mendy, filho do pugilista, afastado dos ringues há vinte anos.

Natural da cidade de Dakar (Senegal), cresceu e viveu na região de Paris, sendo um dos mais dignos representantes da época de ouro do pugilismo francês. Reconhecido pelo seu estilo elegante e técnico, o lutador gaulês contabilizou 55 vitórias (incluindo 31 por KO), 8 derrotas e 3 empates desde a estreia profissional a 15 de janeiro de 1983. (Notícias ao Minuto)