O cargo do chefe da arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol, o gaúcho Leonardo Gaciba, está em risco. Depois de sofrer muitas críticas, de diversos dirigentes, por eventuais erros que pudesse ter cometido, a gota d’água foi no jogo entre São Paulo e Grêmio, que acabou empatado em 0x0, no Morumbi (17/10).

Na ocasião, Gaciba cedeu a uma pressão do clube paulista e, às vésperas da partida, trocou o chefe do VAR para a partida. Casualmente, o novo indicado, segundo diretoria do Grêmio e alguns comentaristas de arbitragem, cometeu uma série de erros favorecendo o São Paulo F. C.

Do Rio de Janeiro vem a informação de que Gaciba já teria participado de duas reuniões depois desta polêmica partida, com a presença inclusive do presidente da CBF, Rogério Caboclo. Tudo indica que movimentos estão ocorrendo nos bastidores. Há quem diga que, em um destes movimentos, o ex-árbitro Leonardo Gaciba pode também virar ex-chefe da arbitragem.

 

Quer colocar seu anúncio em nossas notícias? É fácil: só mandar e-mail para ventanaconteudos@gmail.com