Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News

O neurocirurgião Leopoldo Luque, médico particular de Diego Maradona, está sendo investigado por negligência no tratamento do ídolo do futebol. Nesse domingo (31/1), o site de notícias argentino Infobae divulgou transcrições polêmicas de supostos áudios enviados pelo profissional.

“Sim, o ‘boludo’ (gordo), parece que teve uma parada cardiorrespiratória e vai morrer cagando. Não tenho ideia do que ele fez. Estou indo para lá”, afirmou, em um dos trechos mais criticados.

Luque foi o médico que operou Maradona dias antes da morte do astro, e é investigado por homicídio culposo. Ele também pode ser acusado por crime de utilização de documento privado adulterado, pois falsificou a assinatura do ex-jogador para obter o seu histórico clínico.

Metrópoles