EUA confirmam que 12 militares americanos morreram em explosões no Afeganistão – Porto Alegre 24 horas

EUA confirmam que 12 militares americanos morreram em explosões no Afeganistão

Chefe das Forças Armadas afirmou que há pelo menos 15 agentes feridos; ataques do lado de fora do aeroporto de Cabul deixaram ainda mais de 60 afegãos civis mortos, de acordo com autoridades locais
Foto: Reprodução

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

Os Estados Unidos confirmaram que 12 militares americanos morreram nas explosões em Cabul, no Afeganistão, nesta quinta-feira, 26. O general Frank Mackenzie, chefe das Forças Armadas dos EUA no Afeganistão, afirmou que há pelo menos 15 agentes feridos.

“Apesar desses ataques, nós vamos continuar com essa missão. A retirada vai continuar”, declarou em coletiva de imprensa. Segundo o general, o número de vítimas afegãs ainda não foi confirmado. Porém, autoridades locais estimam mais de 60 afegãos civis mortos e dezenas de feridos. Duas explosões foram registradas do lado de fora do aeroporto de Cabul nesta manhã.

O principal suspeito da autoria do ataque é o chamado “Isis-K”, um braço do Estado Islâmico voltado para a Ásia Central. Na terça-feira, 24, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, tinha alertado em comunicado oficial sobre a possibilidade de um ataque terrorista articulado pelo grupo, que rejeita a ideia de “estados nacionais” na região. (Jovem Pan)

Mais noticias do Porto Alegre 24 horas

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade