Jovem autista ensina idoso de 101 anos a dançar em asilo; assista – Porto Alegre 24 horas

Jovem autista ensina idoso de 101 anos a dançar em asilo; assista

Ollie Venning melhorou do autismo severo com Street Dance e ensinou idoso a dançar
Foto: reprodução

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

Um vídeo lindo mostra um jovem autista ensinando um idoso de 101 anos a dançar em casa de repouso em Plymouth, na Inglaterra.

Ollie Venning, de 17 anos, tem autismo severo, sofreu bullying na escola e agora foi se apresentar para uma das maiores fãs, sua avó ‘Nana Bet’.

De repente, o Sr. Don, perguntou se ele poderia ensiná-lo a dançar também. Ollie faz street dance e na hora ensinou o idoso a fazer “body pop”.

Na performance, o aposentado fica de pé no andador, com uma assistente social atrás dele, e começa a dançar. O Sr. Dom vai balançando os quadris e levantando os braços para imitar o professor adolescente. (vídeo abaixo)

A alegria dos dois

Ollie ficou muito feliz com a animação do novo amigo e contou por causa da covid não pôde visitar a vovó nos últimos meses.

“Ela adora me ver dançar, então, uma vez que as restrições foram aliviadas, minha avó perguntou se eu poderia entrar e me apresentar, então eu fiz”.

Foi aí que Olli conheceu o Sr. Dom.

“Quando eu estava prestes a sair, um residente chamado Don queria dançar comigo, então ele veio para a pista de dança e eu mostrei a ele alguns movimentos, disse.

E o rapaz ficou maravilhado ao ver o idoso dançando.

“Don foi incrível. Eu não conseguia acreditar que ele tem 101 anos. Ele tem ótimos movimentos. Me fez bem vê-lo e ver todos felizes”, comemrou.

Sofreu bullying na escola

A avó de Ollie, Ann Jessop, 67, fez as imagens e disse que foi um ‘lindo momento’.

Ela contou que a dança ajudou Ollie a se tornar quem ele é hoje.

“Foi a primeira vez que Ollie se apresentou para os residentes. Ele se levantou e Don perguntou se ele poderia se levantar também.

“Ollie tem autismo e sofreu muito bullying na escola. Fazer parte da escola de dança Street Factory realmente o ajudou a se tornar o que é.

Assista a apresentação dos dois:

Via Só Noticia Boa

Mais noticias do Porto Alegre 24 horas

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade