Ao se mudar para nova casa, homem descobre boneca atrás da parede com bilhete sinistro; entenda a história – Porto Alegre 24 horas

Ao se mudar para nova casa, homem descobre boneca atrás da parede com bilhete sinistro; entenda a história

Brinquedo foi descoberto atrás de parede por novo proprietário de casa em Liverpool, na Inglaterra.
Foto: MONTAGEM/R7, COM JONATHAN LEWIS (VIA LIVERPOOL ECHO)

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

A descoberta de uma boneca atrás da parede de uma casa em Liverpool, na Inglaterra, deixou internautas de cabelos em pé. Tudo porque o brinquedo trazia com ele um bilhete sinistro sobre o assassinato de uma família no local.

No entanto, o crime sombrio não passou de uma brincadeira armada pela ex-moradora que vivia na casa. A revelação foi feita ao jornal Liverpool Echo, ao qual ela pediu anonimato.

A mulher de 48 anos contou que a ideia foi elaborada junto com as filhas em 2015, quando a cozinha passava por reforma. “Tomamos alguns copos de vinho e pensamos que seria uma ideia muito engraçada”, explicou.

“Uma das minhas meninas escreveu a carta, a colocamos na parede e simplesmente esquecemos dela.” Tanto que a traquinagem só foi lembrada após a repercussão da descoberta da boneca supostamente assassina.

“Não queríamos dizer nada de sinistro com isso, provavelmente eu tinha bebido muitas taças de vinho”, admitiu a ex-moradora.

Apesar do atual proprietário ter desconfiado da armação desde o início, a autora da ideia fez questão de reforçar o teor humorístico da empreitada.

“Está escrito na nota que a pessoa morou na casa em 1961, mas ela não foi construída até 1964 e as únicas coisas que morreram lá são um hamster e um casal de peixes.”

Para finalizar o assunto, ela desejou ao novo inquilino tudo de melhor no local: “Vivemos lá por 25 anos”, revelou, “não temos nada além de boas lembranças.”

(Portal R7)

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade