UFRGS verifica 334 suspeitos de fraudar cotar raciais – Porto Alegre 24 horas

UFRGS verifica 334 suspeitos de fraudar cotar raciais

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp





A Universidade Federal do Rio Grande do Sul, a UFRGS investiga uma denúncia de fraudes de matrículas por cotas raciais na Universidade. A partir da denúncia foi montada uma comissão com 16 pessoas, 10 técnicos administrativos e 6 professores que apura estas denúncias. Em uma primeira triagem, 334 alunos foram chamados para prestar esclarecimento nesta comissão, suspeitos de terem fraudado esta matrícula.

Os alunos conversarão com a comissão que vai montar relatórios individuais para cada caso dizendo se a matrícula através da cota está correta ou não. A partir daí, este parecer é encaminhado para a Pró-Reitoria de Graduação que pode realizar o desligamento destes alunos investigados. (Band)



Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade