Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News Entre no grupo do Whatsapp





Considerado um dos maiores assaltantes a banco do Estado, Cláudio Adriano Ribeiro, 54 anos, deveria ter se apresentado às 7h desta sexta-feira, no Patronato Lima Drummond, da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), no bairro Teresópolis, em Porto Alegre, mas não compareceu. De acordo com a Susepe, desde a manhã de hoje, Papagaio – como é conhecido – está foragido da Justiça.




O criminoso estava preso desde dezembro 2011. Ele foi detido na cidade de Brusque, em Santa Catarina, durante um churrasco. Em setembro deste ano, Papagaio ganhou direito a progressão de pena e passou a cumprir sentença no regime semiaberto. Ele já figurou na lista dos criminosos mais perigosos do Rio Grande do Sul na década de 1990.

Acusado de assaltos e de pelo menos um latrocínio, o apenado recebeu pena de 52 anos e três meses de prisão, mas já fugiu seis vezes do sistema carcerário. Ele também ganhou notoriedade por conseguir ser o primeiro a escapar da Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas (Pasc), em 1999. (Correio do Povo)