Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News Entre no grupo do Whatsapp





Por Felipe Uhr / Jornal Já

Prometido para dezembro, a troca do sistema de operação do BikePoa, agora não tem prazo estabelecido.

A TemBici, empresa responsável pelo sistema desde maio, informa que está “aguardando a finalização dos trâmites burocráticos de importação para a liberação, bem como a normalização das atividades dos auditores fiscais da Receita Federal.” Os fiscais estão em greve desde o dia 2 de novembro.




As mais de 400 bicicletas, que aguardam liberação, teriam chegado ao Brasil em outubro.

Em novembro, representantes do TemBici estiveram na Câmara Municipal de Porto Alegre explicando a implementação do novo sistema. Na ocasião, a gerente comercial da empresa, Gabriela Gomes, pediu “paciência” aos usuários. Segundo ela, a implementação total do sistema será realizado em três semanas dado o seu começo. Serão 41 novas estações que terão 733 vagas para 410 bikes disponíveis.

Desde que passou a ter nova operadora, o BikePoa sofre com a escassez de bikes, que não estão sendo repostas, quando ocorridos grandes estragos.

Em outubro e novembro o JÁ monitorou a disponibilidade de bicicletas por meio do aplicativo após o encerramento do horário de uso. Das 400, previstas no edital, menos de 20% estavam operando.