Prefeitura orienta população sobre cuidados com o frio – Porto Alegre 24 horas

Prefeitura orienta população sobre cuidados com o frio

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp





O frio intenso registrado nos últimos dias exige atenção especial com a saúde e com as pessoas em situação de vulnerabilidade social. Atenta a essa demanda, a Prefeitura de Porto Alegre amplia as vagas nos albergues e orienta a população quanto aos cuidados e prevenção de doenças respiratórias. A Operação Inverno, desenvolvida pela Fasc (Fundação de Assistência Social e Cidadania) e pela Secretaria Municipal de Saúde, amplia o número de vagas para albergagem de junho a setembro e minimiza os efeitos nocivos do frio, principalmente à noite.




Neste inverno, os albergues têm acréscimo de 90 vagas, além das 355 disponibilizadas durante o ano. O serviço de acolhimento é das 19h às 7h – com o atendimento às necessidades básicas. Nestes espaços, são oferecidos um lugar para dormir, cuidados de higiene e alimentação. Além disso, são realizados encaminhamentos para serviços da rede socioassistencial e demais políticas públicas. Para garantir a segurança e organização das casas, algumas regras devem ser seguidas. As pessoas que buscam abrigo devem ter idade acima de 18 anos; estar em situação de rua no município de Porto Alegre; portar documentos com fotos (na ausência deste apresentar boletim de ocorrência de perda da documentação) e não apresentar sinais ou sintomas de doenças infecto-contagiosa na fase de transmissão nem depender de cuidados no leito.

“Neste período do ano, as baixas temperaturas e as chuvas deixam expostas as pessoas que se encontram em situação de rua em nosso município. A Operação Inverno é uma ação que objetiva minimizar os efeitos e danos a essas pessoas. Disponibilizar mais vagas e intensificar a abordagem noturna são formas de cuidado e atenção. Nem todos aderem, mas é responsabilidade do poder público a oferta do serviço. Nos últimos dias, a procura aumentou e a lotação tem sido completa”, afirma a diretora técnica da Fasc, Vera Ponzio.



Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade