Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News

A apresentadora e ativista dos direitos dos animais Luisa Mell (42) usou as redes sociais nesta quinta-feira (18/2) para mostrar um lado solidário do humorista Nego Di (26), do BBB 21, em meio a rejeição recorde do participante. O humorista foi eliminado com 98,76% dos votos em um paredão triplo contra Sarah e Fiuk. Antiga detentora do recorde com 95%, Aline do BBB 5 foi eliminada em um paredão duplo.

Após o humorista ser acusado de mandar mensagens privadas ameaçando o apresentador Rodrigo Bocardi, algumas pessoas compartilharam que também receberam ameaças de Nego Di.

A apresentadora, que é contra o cancelamento virtual, resolveu olhar suas mensagens privadas para ver se o ex-BBB já havia mandando alguma mensagem para ela via dm do Instagram e se surpreendeu com o resultado da pesquisa.

“Quero falar uma coisa que vai surpreender muita gente, aliás todo mundo. Mas acho que a gente tem que ser justa e sincera. É sobre o Nego Di, assunto do momento. Vi muita gente postando falando que ele tinha ameaçado muitas pessoas antes do ‘Big Brother’. Aí, bateu a curiosidade e fui lá olhar se ele tinha mandado alguma mensagem para mim. E não é que ele tinha mandado? Faz muito tempo e eu não tinha visto”, admitiu Luisa, que compartilhou na web o print das mensagens, na qual Nego Di diz que se emociona com o trabalho dela com os animais. O Instituto Luisa Mell, sua instituição sem fins lucrativos.

Confira abaixo:

Reprodução

“Eu choro muito com os teus stories. Posso te ajudar de alguma forma?”, escreveu Nego Di. “Oi. Precisa que eu divulgue alguma coisa para te ajudar? Trabalho em uma rádio aqui do Rio Grande do Sul. Se precisar de algo, eu ajudo”, reforçou ele em uma segunda mensagem, enviado em julho de 2019.

Luisa Mell explicou o motivo de ter compartilhado com o seu público as mensagens recebidas pelo ex-BBB. “Resolvi postar isso para vocês verem que ninguém é de todo mau. Obviamente que eu como o Brasil inteiro torci para ele sair. Todo mundo ficou contra ele dentro do jogo, mas sou contra esse massacre que as pessoas quero continuar fazendo com as pessoas que saem. Acho isso muito perigoso. Então, resolvi manifestar. Foi por acaso, gente. Não conheço ele. Achei essa mensagem e resolvi postar para que a gente repense”, refletiu a ativista. (Portal Uai)