Foto: Divulgação | EPTC

Novo sistema de semáforos inteligentes será testado em Porto Alegre

Tempos são alterados automaticamente de acordo com leituras de câmeras que funcionam como detectores virtuais

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

A Prefeitura de Porto Alegre começa, nesta sexta-feira, 5, os testes de novos equipamentos para semáforos inteligentes. A iniciativa busca aferir e especificar a tecnologia para posterior compra por meio de licitação. A parceria com a Kapsch surgiu em resposta a um chamamento público da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) e não tem custos para o município.

O sistema adaptativo de controle altera automaticamente os tempos dos semáforos segundo leituras de câmeras que funcionam como detectores virtuais. A interface de tecnologia da informação, necessária para gerenciamento do sistema, estará disponível no Centro de Controle e Monitoramento da Mobilidade da EPTC para acompanhamento e com possibilidade de intervenção on-line, caso necessário, durante todo o período dos testes.

Locais dos novos equipamentos:

– Érico Verissimo, entre Gen. Cadwell e Marcílio Dias
– Região da Rótula do Papa
– Cruzamento da Érico Verissimo com rua Botafogo
– Ruas Corrêa Lima/José de Alencar com Mariano de Matos

Esse tipo de tecnologia já está em funcionamento na avenida Nilo Peçanha desde 2016, onde é utilizado o sistema Scats. “Esse teste busca justamente possibilitar o teste de sistemas diferentes do Scats, vislumbrando ampliar o leque de alternativas inteligentes na cidade”, explica a gerente de Desenvolvimento e Inovação da EPTC, Julia Lopes de Oliveira Freitas.

O teste segue três etapas principais. A primeira ocorreu em dezembro e janeiro, em que a empresa Kapsch ministrou treinamento às equipes técnicas, operacionais e de manutenção. A segunda, que está em andamento, é a implantação dos equipamentos, para preparação e calibração do sistema. A terceira etapa é o teste propriamente dito, com previsão de começar no mês de março o sistema inteligente atuando em tempo real. (PMPA)