Bolsonaro faz insinuação obscena sobre Eduardo Leite – Porto Alegre 24 horas
Itamar Aguiar/Palácio Piratini

Bolsonaro faz insinuação obscena sobre Eduardo Leite

Presidente criticava governadores por aplicação de recursos destinados à saúde e questionou o governador: “Onde ele enfiou essa grana toda?”

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

Em novas críticas a governadores e prefeitos, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse, na noite de segunda-feira (8/3), que muitos governadores usaram dinheiro destinado pelo governo federal para combate à pandemia para colocar contas do estado em dia.

“Tem estado, como o Rio Grande do Sul, por exemplo, que estava quase três meses atrasado em sua folha de pagamento. O governador Leite botou em dia sua folha de pagamento e se esqueceu da saúde”, afirmou o presidente. “Vários estados colocaram suas contas em dia em cima de recursos que eram para a saúde”.

Desta vez, o alvo das críticas do presidente foi o governador gaúcho, Eduardo Leite (PSDB), de quem fez insinuações de cunho obsceno durante entrevista ao programa do Datena, da Band, na noite de segunda.

“Onde o governador do Rio Grande do Sul, que fala muito manso, muito educadamente, uma pessoa até simpática, mas é um péssimo administrador. Onde ele enfiou essa grana? Eu não vou responder pra ele, mas eu acho que eu sei onde ele botou essa grana toda aí, não botou na saúde”, disse Bolsonaro.

O tucano tem subido o tom contra Bolsonaro. Em coletiva de imprensa na semana passada, o governador disse que a intenção do presidente da República é causar confusão e “se esquivar das responsabilidades” diante do agravamento da crise sanitária do coronavírus no país. Leite disse ainda que o governo federal patrocina “oficialmente fake news e mentiras” durante a pandemia, “com distorção de fatos e dados”.

O governador também seguiu o movimento dos governos de São Paulo, Bahia, Maranhão e Piauí e acionou o Supremo Tribunal Federal (STF) para obrigar o governo federal a voltar a custear leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes com Covid-19 no estado.

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade