Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News Entre no grupo do Whatsapp

Mais uma capitulo triste foi escrito dentro do trágico cenário que se tornou a pandemia do coronavírus no Brasil. A comerciante Valéria Zadorozny, de Esteio, região metropolitana de Porto Alegre, morreu, na terça-feira (02/03), vítima da Covid-19.

Horas antes de sua morte, sua filha mais velha, a assistente comercial Giulia Mariana, uma jovem de 23 anos, compartilhou no Twitter a troca de mensagens que ela havia feito com a mãe, e a última interação de Valéria foi: “Eu vou pra UTI, só não tem vaga em nenhum lugar. Amo vocês”,

Valéria tinha 42 anos e estava internada em decorrência de complicações da covid-19 em um hospital público de Esteio, onde passou seus últimos dias de vida em meio ao caos ligado à falta de leitos que está sendo registrado não somente no Rio Grande do Sul, mas em diversas regiões do Brasil.

“Essa foi a última mensagem que tive da minha mãe (…) Usem máscara, não saiam se não for necessário, por favor”, escreveu Giulia na publicação, que já teve mais de 125 mil curtidas e mais de 13 mil compartilhamentos na rede.