Gosta de salsicha? Você precisa saber como e do que é feita – Porto Alegre 24 horas

Gosta de salsicha? Você precisa saber como e do que é feita

Elas dão aquele toque especial em muitas receitas e são a base do popular cachorro-quente, mas, apesar de adoradas por tantos, vivem cercadas de boatos; saiba quais são os ingredientes da iguaria e como é fabricada
Freepik

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

As salsichas são alimentos industrializados compostos de carne, geralmente aves e suínos, miúdos, gordura, temperos e substâncias químicas que dão o sabor característico e conservam o produto. Mas não vá pensando que as carnes são de primeira, não! Normalmente são sobras de cortes tradicionais e até 60% da iguaria pode conter a chamada carne mecanicamente separada, que é aquela que fica grudada nas carcaças. Segundo a Associação Brasileira de Alimentos, os ingredientes são previamente congelados e depois moídos e processados até obter uma massa homogênea. Na etapa seguinte, o produto, ou é embutido em tripas, ou é colocado em tubos, onde ganha forma. Na sequência, as salsichas passam por cozimento, resfriamento e são banhadas em corante natural de urucum, que confere a cor avermelhada.

Mas atenção! Ainda que, nas fábricas, as temperaturas de processamento garantam a eliminação de microorganismos, a orientação é sempre fervê-las antes de consumir. Bem, de fato, o processo de fabricação das salsichas não é de ‘dar água na boca’, mas daí dizer que são usados ingredientes duvidosos, como carne de cavalo, papelão e até insetos, já é exagero. No Brasil, todo o processo de produção deve seguir os padrões de qualidade do Ministério da Agricultura. E a fiscalização, tanto no ambiente industrial, como nos estabelecimentos comerciais, é feita pela Vigilância Sanitária. Na hora de comprar, verifique se há o selo de inspeção.

Mas, então, de onde vem essa má fama das salsichas? Como são feitas a partir de uma mistura, o consumidor não consegue identificar o que tem no produto só de olhar, daí surgem os mitos. Além disso, o processo de produção é pouco conhecido, o que reforça os boatos. Há quem diga que eles teriam começado no século 19, depois que o chanceler alemão Otto von Bismarck disse que as leis são como salsichas e que seria melhor não saber como são feitas. Boatos à parte, de uma questão nem os fabricantes podem discordar. As salsichas são alimentos processados, feitas com produtos químicos e ricas em sódio e gordura. Por isso, o consumo exige moderação. Tá Explicado?

Fonte: Jovem Pan

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade