Nova York planeja oferecer imunizante da Covid-19 a turistas, e Miami vai vacinar em aeroporto – Porto Alegre 24 horas

Nova York planeja oferecer imunizante da Covid-19 a turistas, e Miami vai vacinar em aeroporto

O prefeito Bill de Blasio pretende disponibilizar o imunizante de dose única da Johnson & Johnson para não-residentes do estado; musicais da Broadway já têm data para voltar à ativa

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

Nova York planeja oferecer aos turistas a vacina de dose única da Johnson & Johnson contra a Covid-19 como parte dos esforços para atrair as pessoas de volta à cidade. O anúncio foi feito nesta quinta-feira, 6, pelo prefeito Bill de Blasio, que explicou que bases móveis seriam instaladas em pontos turísticos como o Central Park, a Times Square, a Brooklyn Bridge e o Empire State Building. No entanto, a iniciativa ainda precisa da aprovação do governador Andrew Cuomo, visto que as regras vigentes atualmente permitem que apenas indivíduos que moram ou trabalham no estado recebam o imunizante. Enquanto isso, os musicais da Broadway já tem data para voltar a acontecer. A partir de 14 de setembro, os palcos poderão voltar à ativa desde que respeitem um limite de público.

No entanto, as apresentações ainda podem demorar mais um pouco devido à necessidade de retomar ensaios. “O Fantasma da Ópera”, por exemplo, marcou a sua primeira apresentação pós-pandemia para o dia 22 de outubro. Os ingressos para esse outros espetáculos começaram a ser vendidos nesta sexta-feira, 7. No último dia 5, o governador Andrew Cuomo afirmou que 58,8% dos adultos que vivem no estado de Nova York receberam pelo menos uma dose da vacina contra a Covid-19, sendo que 45,6% já estariam completamente imunizados. Diante desse cenário, a cidade de Nova York, onde um terço das pessoas já estão vacinadas, se prepara para uma reabertura total no dia 19 de maio. Nesse dia, o metrô voltará a funcionar 24 horas por dia após mais de um ano com operação limitada. Os bares e restaurantes já foram reabertos.

Aeroporto Internacional de Miami também será ponto de vacinação

O Aeroporto Internacional de Miami, na Flórida, comunicou nesta quinta-feira, 6, que usará as suas instalações para aplicar vacinas contra Covid-19 da Pfizer–BioNTech em seus funcionários, além de seus amigos e familiares. As injeções também serão disponibilizadas para viajantes, mas somente para aqueles que vivem ou trabalham no estado. (Jovem Pan)

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade