Foto: Cristine Rochol/PMPA

Prefeitura inicia vacinação de pessoas com comorbidades com 40 anos ou mais nesta sexta-feira

Oferta da imunização será realizada em unidades de saúde e no drive-thru da PUC

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

A oferta de mais vacinas leva a prefeitura a ampliar para 40 anos ou mais a faixa etária de pessoas com comorbidades aptas a receber a primeira dose de vacina contra Covid-19 já nesta sexta-feira, 7. Além das pessoas com doenças crônicas, também podem receber a dose 1 gestantes e puérperas com comorbidades ou não, pessoas com deficiência cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC) a partir de 40 anos, pessoas com Síndrome de Down, os idosos com 60 anos ou mais e os profissionais de saúde e trabalhadores de apoio de serviços de saúde acima de 18 anos que ainda não receberam a primeira dose de vacina. Para atendimento aos públicos, há disponibilidade das vacinas de Oxford-AstraZeneca/Fiocruz (chamada Covishield) e da vacina da Pfizer (Comirnaty), em diferentes locais.

A oferta da imunização será realizada em unidades de saúde e drive-thru. Haverá diferença no atendimento em cada local. Pessoas com comorbidades, gestantes, puérperas, pessoas cadastradas no BPC, profissionais de saúde e trabalhadores de apoio deverão apresentar documentos específicos para serem vacinados.

Oferta da primeira dose por público e local:

Unidades de Saúde – pessoas com comorbidades, profissionais de saúde e trabalhadores de apoio, gestantes, puérperas, idosos com mais de 60 anos.

Drive-thrus – os drive-thrus, quando em operação, atenderão somente idosos, gestantes e puérperas.

Em relação à segunda dose, todos os locais poderão imunizar todos os públicos aptos a receber a vacina, considerando os intervalos necessários entre primeira e segunda doses, desde que haja disponibilidade de vacinas.

Todas as pessoas deverão apresentar documento de identidade (ou outro oficial com foto e CPF) e comprovante de residência em seu nome ou, no caso de familiar ou outra pessoa, declaração de domicílio em Porto Alegre. A SMS solicita que as pessoas entreguem cópias dos comprovantes, que serão retidas pelo serviço vacinador.

Documentos específicos:
Profissionais de saúde e trabalhadores – Autodeclaração ou declaração do empregador
Pessoas com comorbidades – atestado médico, laudo médico, prescrição de medicamento de uso contínuo, de acordo com a lista de comorbidades elencadas pelo Ministério da Saúde no Plano Nacional de Vacinação e que constam na Nota Orientativa da Secretaria Estadual de Saúde.

Serviço para sexta-feira, 7
9h às 17h – Drive-thru PUC – Avenida Ipiranga, 6681
8h às 17h – Unidades de saúde