Foto: Reprodução | Instagram

Mãe de Paulo Gustavo compartilha post criticando quem incentiva o não uso de máscara

Déa Lúcia usou as redes sociais para incentivar seus seguidores a se protegerem na pandemia

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

Déa Lúcia Vieira Amaral, mãe do ator Paulo Gustavo, compartilhou um post no Instagram que critica quem defende que não é necessário o uso da máscara de proteção facial no Brasil. “Um aviso: quem disse que a você para deixar de usar a máscara durante uma pandemia descontrolada é um assassino.

Saia de perto, corte relações. Não presta”, diz a publicação feita por uma seguidora no Twitter. Ao publicar print do post em seu Instagram, a mãe do intérprete de Dona Hermínia escreveu na legenda: “Assino em baixo. Usem máscara, amigos”. Déa é uma entre diversos brasileiras que perdeu um familiar para a Covid-19.

Paulo Gustavo, seu filho, morreu por complicações da doença no dia 4 de maio deste ano, no Rio de Janeiro, aos 42 anos. A morte artista chocou o Brasil e ele recebeu inúmeras homenagens, como uma rua de Niterói, região onde cresceu com a da família, que passou a levar seu nome.

Paulo Gustavo ficou internado no Hospital Copa Star por quase dois meses e, nesse período, precisou se submeter a diversos tipos de tratamentos e cirurgias, mas seu pulmão foi muito comprometido pela doença. Ele era casado com o médico Thales Bretas e deixou dois filhos, Romeu e Gael, ambos com menos de dois anos. O grande marco da sua carreira foi o espetáculo “Minha Mãe é Uma Peça”, que ganhou três adaptações de sucesso para o cinema. (Jovem Pan)