Estátua do Laçador, em Porto Alegre, entra em nova fase de restauração – Porto Alegre 24 horas

Estátua do Laçador, em Porto Alegre, entra em nova fase de restauração

Monumento deve retornar à Zona Norte de Porto Alegre até o fim do ano.
Foto: Giulian Serafim | PMPA

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

Um dos principais monumentos de Porto Alegre, a estátua ao Laçador está em uma nova fase de sua restauração, iniciada no final de setembro com a sua retirada do espaço a céu aberto na avenida dos Estados (Zona Norte). Depois de retirado o material da base e aberta uma espécie de janela nas “costas”, agora a estrutura passará por uma fase de limpeza minuciosa.

O processo tem por base uma técnica de microjateamento para remoção de quaisquer resíduos de argamassa, evitando problemas futuros. No mês que vem, a escultura será erguida para receber o mesmo procedimento em sua totalidade.

Confira nossos perfis no Instagram, TwitterFacebook e Telegram e tenha acesso a todas nossas notícias.

Até o fim de outubro, o reforço estrutural em aço inoxidável deve ser colocado na parte interna do Laçador. O dispositivo metálico deve chegar à altura dos ombros do gaúcho estilizado, a fim de proporcionar maior segurança contra os efeitos da exposição às condições climáticas e ao próprio transcorrer do tempo.

Até o final do ano, a estátua criada pelo escultor Antonio Caringi na década de 1950 deve ser devolvida ao seu local, próximo ao Aeroporto Internacional Salgado Filho, onde costuma dar as boas-vindas a quem chega.

Apoios

O valor total do projeto é de R$ 900 mil, dos quais R$ 810 mil foram viabilizados pelo Sindicato dos Indústrias da Construção Civil no Estado do Rio Grande do Sul (Sinduscon-RS) e pela Associação Sul Riograndense da Construção Civil, através do programa Pró Cultura – Lei de Incentivo à Cultura, do Governo do Estado do Rio Grande do Sul, e R$ 90 mil através de aporte financeiro da Secretaria Municipal da Cultura (SMC).

A Gerdau e a Sulgás são as patrocinadoras do projeto, que também conta com o apoio da JOG Andaimes, da Elevato, do Ministério Público do Rio Grande do Sul e da Phorbis Empreendimentos Imobiliários. (O Sul)

Mais noticias do Porto Alegre 24 horas

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade