Postes históricos do Centro de Porto Alegre são restaurados e adaptados para receber lâmpadas de LED – Porto Alegre 24 horas

Postes históricos do Centro de Porto Alegre são restaurados e adaptados para receber lâmpadas de LED

Previsão é que um primeiro lote com 13 postes seja entregue até fevereiro de 2022
Foto: SMSURB / PMPA

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

A prefeitura realizou vistoria da manutenção dos postes históricos do Centro da Capital. Ao todo, 43 itens do mobiliário urbano estão sendo recuperados e vão ser adaptados para receber lâmpadas de LED.

“Estamos fazendo a modernização da iluminação da cidade e estes postes fazem parte da história de Porto Alegre. É necessário todo um cuidado nos reparos para que logo eles voltem a embelezar o Centro Histórico”, afirmou o secretário municipal de Serviços Urbanos, Marcos Felipi Garcia.

Os trabalhos de restauro iniciaram-se em 9 de julho deste ano e a previsão é que um primeiro lote com 13 postes seja entregue até fevereiro de 2022.

Para o secretário municipal de Planejamento e Assuntos Estratégicos, Cezar Schirmer, a restauração dos postes surpreende pela qualidade e será benéfica para o Centro Histórico. “O processo de revitalização que pretendemos passa pela manutenção do patrimônio histórico e arquitetônico da região, combinada com a utilização de novas tecnologias. A utilização de lâmpadas LED garante economia e qualidade na iluminação pública, o que tem impacto direto na ocupação dos espaços urbanos e na sensação de segurança da população.”

A implantação da tecnologia mais moderna será feita pela IPSul, concessionária responsável pela gestão, manutenção e modernização da iluminação pública de Porto Alegre até o ano de 2040.

Postes da década de 1920

Os postes representam a história da iluminação pública do Município. A base da estrutura é de ferro fundido pesado, sustentada por colunas de aço com característica grega. O padrão clássico do material apresenta no topo folhas de acanto, volutas e campânulas que sustentam as tocheiras.

O filósofo e diretor de Patrimônio e Memória Nelson Boeira realçou a importância e excelência do restauro. “O trabalho de restauração dos postes históricos é excepcional e deve ser amplamente divulgado como modelo a ser seguido em projetos de restauração de bens similares.”

Cada equipamento conta com aproximadamente 30 peças e passam por um processo minucioso de restauro, pois muitas apresentavam corrosão e desgaste devido ao tempo. As estruturas são de junho de 1929 e foram fabricadas por uma empresa americana em Ohio, chamada Union Metal Manufacturing Co.

A previsão é que as 43 unidades restauradas sejam entregues ainda no primeiro semestre de 2022.

PMPA

Mais noticias do Porto Alegre 24 horas

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade