Torcedor do Palmeiras morre eletrocutado em Porto Alegre

Torcedor do Palmeiras morre eletrocutado em Porto Alegre

Presidente da torcida organizada Mancha Verde, de Ponta Grossa, estava na capital se deslocando para para Montevideo, onde o Palmeiras vai jogar a final da Libertadores com Flamengo, neste sábado
Foto: Reprodução/Instagram

Compartilhe esta notícia

O presidente da torcida organizada palmeirense, Mancha Verde, de Ponta Grossa, Marcinho, morreu após sofrer uma descarga elétrica no cruzamento das ruas Lima e Silva e Desembargador André da Rocha, no bairro Cidade Baixa, em Porto Alegre. O caso aconteceu por volta de 3h desta sexta-feira.

Moradores do bairro afirmaram terem ouvido um forte barulho de explosão e logo após a energia acabou, quando a luz voltou, encontraram o corpo de Marcinho pendurado a partir do topo do poste, já sem vida. Autoridades policiais suspeitam que o homem tenha subido no telhado de um restaurante para facilitar a chegada ao topo do poste.

Foto: reprodução redes sociais

A retirada do corpo da rede elétrica ocorreu por volta das 5h30. Ele foi encaminhado para necropsia junto ao Instituto Geral de Perícias (IGP). A causa provável da morte é eletrocussão: morte por descarga elétrica.

O motivo da vítima ter escalado o poste será investigado pela Polícia Civil. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) e ainda não há informações sobre o translado do corpo para Ponta Grossa.

Marcinho estava na capital se deslocando para para Montevideo, onde o Palmeiras vai jogar a final da Libertadores com Flamengo, neste sábado.

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Para mais informações, incluindo como configurar as permissões dos cookies, consulte a nossa nova Políticas de privacidade