Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News

Pelo menos oito viaturas da Brigada Militar estavam estacionadas em frente a um motel, na Avenida do Forte, na Zona Norte de Porto Alegre, no final desta manhã. A suspeita é que oito criminosos que participaram do assalto a banco na cidade de Criciúma, em Santa Catarina, estivessem no interior do estabelecimento, mas a informação acabou não se confirmando.

O tenente-coronel Cláudio dos Santos Feoli, comandante do 1º Batalhão de Polícia Choque (BPChoque) da Brigada Militar, disse que após verificação, não havia nenhuma relação com o ocorrido em Santa Catarina. Mas a confirmação de que havia oito pessoas hospedadas no interior do local foi confirmada.

Em entrevista ao GZH, o coronel Vanius Cesar Santarosa, subcomandante geral da Brigada Militar, disse que a Brigada Militar vai continuar mobilizada nos próximos dias; “Fechamos as fronteiras e acessos ao Rio Grande do Sul desde segunda-feira, mas eles utilizaram estradas vicinais de terra. Isso indica que estudaram muito bem os modais rodoviários.”