Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News

Da GBC

O criminoso preso nesta segunda-feira (4) por matar Tiago Pereira Viegas de 28 anos, foi no velório e participou do enterro ao lado da família. Ele foi identificado durante a investigação da Delegacia de Homicídios de Proteção à Pessoa (DHPP).

O crime ocorreu em dezembro de 2020, no bairro Guajuviras. Tiago foi morto com mais de 20 disparos de arma de fogo. Os autores chegaram, e sem nem conversar com a vítima, já atiraram.

Para identificar o bandido, que não teve o nome divulgado devido a Lei de Abuso de Autoridade, os investigadores da DHPP analisaram imagens das câmeras de segurança. Agora, eles seguem trabalhando para apurar a investigação do caso e identificar o segundo envolvido.

O delegado Robertho Peternelli, titular da especializada, diz que a ajuda da população é de fundamental importância para elucidação dos crimes, e salienta que informações que possam levar a prisão de foragidos e elucidação de delitos devem ser repassadas pelo telefone do disque denúncia através do número 0800 642 0121.