Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News Entre no grupo do Whatsapp

Foi preso na madrugada desta segunda-feira (04) mais um envolvido no assassinato da jovem Paula Chaiane Perin Porte, de 18 anos, que foi encontrada morta em um matagal no interior de Soledade, na Região Norte do Rio Grande do Sul.

Mikael Willian Rossi Ortiz, mais conhecido como Mika, de 22 anos, foi capturado pelos policiais dentro de uma boate no município de Balneário Camboriú, em Santa Catarina.

Mika era considerado o foragido número um da Delegacia Regional de Soledade desde quando teve a sua prisão decretada, em julho do ano passado. Segundo as investigações, ele serviu como isca para atrair Paula até o local do crime.

A ação foi realizada após um trabalho conjunto da inteligência da Polícia Civil de Soledade e da inteligência da Polícia Militar de Santa Catarina. Após a prisão, ele foi encaminhado ao Presídio de Itajaí-SC.

O caso

Na noite de 10 de junho deste ano, Paula Schaiane Perin Portes estava em um apartamento com amigas e recebeu uma mensagem pelo WhatsApp para se encontrar com o principal suspeito agora foragido.

Nas investigações, os policiais civis obtiveram imagens de câmeras de monitoramento que mostram a jovem chegando no local do encontro, no bairro Fontes, e sendo carregada inconsciente para dentro de um outro veículo, não identificado, já no início da madrugada do dia 11.

O corpo da jovem foi localizado enterrado em uma cova no dia 16 de agosto em uma área de mata fechada, de difícil acesso, na localidade do Rincão do Bugre, na zona rural do município.

Dias antes, a Polícia Civil e o Corpo de Bombeiros Militar realizaram duas buscas, com cão farejador, em um açude na comunidade da Margem São Bento, na zona rural do município. Houve o recolhimento na ocasião da bolsa da jovem, contendo a carteira de identidade da vítima, um cartão bancário em nome da mãe dela e um carregador de celular, entre outros itens. (O Sul)