Foto: Divulgação/Polícia Civil

Enteado morto pelo padrasto na região metropolitana já tinha estuprado crianças

De acordo com a polícia, ele era usuário de drogas e tentou invadir a casa da mãe

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

da GBC

A Delegacia de Polícia Civil de Campo Bom, no Vale do Sinos, investiga a morte de Rodrigo da Rosa Bergmann de 26 anos. Ele foi morto a facadas pelo padrasto após uma briga na manhã desta terça-feira (25).

Segundo a polícia, Rodrigo era usuário de drogas e tinha diversos antecedentes criminais. Na lista, estão roubos, estupro de crianças, tráfico de drogas e outros delitos. Ele estava cumprindo pena domiciliar.

O padrasto, que está preso, não tem antecedentes criminais. O homem de 55 anos não teve a identidade divulgada.

Entenda o crime

A briga entre enteado e padrasto aconteceu na Rua Jacó Weiss, no bairro Metzler. De acordo com a Brigada Militar (BM), populares relataram que Rodrigo tentou a invadir a casa e foi atacado pelo homem. Ele tentou fugir, mas foi novamente atacado na rua.