Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News Entre no grupo do Whatsapp

Do Sul21

A Executiva Municipal do PDT de Porto Alegre decidiu, na noite desta terça-feira (17), apoiar a candidatura de Manuela D’Ávila (PCdoB) na disputa de segundo turno para a Prefeitura da capital. A deputada estadual Juliana Brizola, candidata do partido que ficou em quarto lugar na eleição do dia 15 de novembro, disse, pelo Twitter, que será um “apoio programático”. “Apresentaremos carta compromisso com posições que não abrimos mão”, acrescentou. O apoio deve ser sacramentado em um encontro de Juliana Brizola com Manuela nesta quarta-feira (18).

O petista Miguel Rossetto, candidato a vice-prefeito na chapa de Manuela, comemorou, também no Twitter, a decisão do PDT, afirmando que ela representa “um passo muito importante para a vitória de um governo democrático e popular em Porto Alegre”.

Na segunda-feira, Manuela D’Ávila recebeu o apoio do PSOL para a disputa de segundo turno contra Sebastião Melo (MDB). Nesta terça, pela manhã, recebeu o apoio da Rede Sustentabilidade, anunciado pela ex-ministra do Meio Ambiente e ex-candidata à presidência da República, Marina Silva.

Quem também se manifestou, nesta terça, foi o atual prefeito Nelson Marchezan Júnior (PSDB), terceiro colocado na eleição de domingo. Marchezan disse que não apoiará pessoalmente nenhum candidato, “garantindo uma transição transparente, democrática e republicana”. O PSDB, acrescentou Marchezan, se reunirá nesta quarta para definir a posição do partido em relação à disputa de segundo turno.