Foto: Daniela Barcellos/Palácio Piratini

Eduardo Leite vai percorrer o Brasil como pré-candidato à presidência pelo PSDB

Deputados tucanos querem que Leite aceite o desafio de disputar o Palácio do Planalto em 2022

Compartilhe esta notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

A comitiva de deputados que almoçou com o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), nesta quinta-feira (11), em Porto Alegre, pediu a ele que desse início a uma espécie de pré-campanha nacional para viabilizar sua candidatura à Presidência da República em 2022.

“Pedimos a ele que começasse a visitar os estados, pois as pessoas estão em busca de alternativas para 2022. Todos pediram isso. Para que ele se apresentasse mais, pois ele já é motivo de muita curiosidade represada no Brasil inteiro. Todo mundo enxerga nele uma alternativa”, disse o deputado Paulo Abi-Ackel, presidente do PSDB-MG.

Além dele, estiveram presentes os deputados tucanos Adolfo Viana (BA), Célio Silveira (GO), Edna Henrique (PB), Eduardo Barbosa (MG), Geovania de Sá (SC), Luiz Carlos (AP), Otavio Leite (RJ), Pedro Cunha Lima (PB), Lucas Redecker (RS), Daniel Trzeciak e Pedro Vilela (AL). O senador Rodrigo da Cunha (AL) também foi.

Segundo deputados com quem a CNN conversou, Leite sinalizou que topa o desafio.

O governador de São Paulo, João Doria, também tem se colocado publicamente como pré-candidato do PSDB ao Planalto.

Eles relatam que o governador gaúcho contou, no encontro, que quando era prefeito de Pelotas (RS), um grupo de deputados estaduais pediu a ele que fosse candidato a governador e ele sinalizou que aceitava a despeito de saber que atrapalharia sua vida pessoal. E que agora se via na mesma posição com uma convocação semelhante para um desafio maior.

“Ele fez uma exposição sobre a gestão dele até a normalização das finanças e o conjunto de investimentos. Achei bem seguro do ponto de vista da gestão. Sobre partido ele deixou claro: antes dos nomes, as ideias. Ele quer participar de um projeto de construção, mas não se colocou como pré-candidato não. Mas disse que vai conviver mais com a bancada e se colocou à disposição de andar o país. Vai botar a cara no processo político”, disse o deputado federal Otávio Leite, do PSDB-RJ. (CNN)