Procurador que chamou R$ 24 mil de "miserê" pede licença do MP
Connect with us

Notícias

Procurador que chamou R$ 24 mil de “miserê” pede licença do MP

Publicado há

em

Foto: Divulgação

O procurador Leonardo Azeredo dos Santos, que foi parar nos noticiários após uma declaração polêmica, onde disse que seu salário de R$ 24 mil mensais era um “miserê”, está afastado das funções. A informação foi confirmada pelo procurador-geral de Justiça, Antônio Sérgio Tonet, em entrevista concedida hoje (11) à Rádio CBN.

Leonardo Azeredo apresentou um atestado médico e pediu afastamento. O motivo não foi revelado.

Dentre os vários absurdos, incompatíveis com a realidade de um país tão desigual como é o Brasil, o procurador disse que chegou a diminuir os gastos de seu cartão de credito, que giravam em torno de R$20mil e, agora, após muito “sacrifico”, baixou para R$8 mil,

Notícia Relacionada:  Caminhoneiro embriagado bate em barranco na BR 116 e é preso

Relembre o caso AQUI

Fonte UOL

loading...
Patrocínio
Patrocínio
Patrocínio