Nessa quinta-feira (24), em ação conjunta com o Ministério Público, a Polícia Civil prendeu, em Novo Hamburgo, o responsável por um esquema de distribuição de grandes quantidades de drogas a diferentes grupos criminosos gaúchos.

Durante as ações, também foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão e cinco medidas constritivas de indisponibilidade de imóveis e veículos. Entre os bens, estão veículos de luxo e imóveis rurais no Rio Grande do Sul e no Piauí.

O preso, no início dos anos 2000, assumiu a liderança da facção criada em meados dos anos 90, dando um panorama de organização, territorialidade, astúcia e arregimentação de criminosos em todo o estado, tendo como mote principal o tráfico Internacional de drogas e sua distribuição em todo o Estado, a nível de Cartel e Máfia, bem como ultimamente realizando complexas redes de lavagem de dinheiro.

A ação ocorreu em desdobramento das Operações Água e Magna Ópera, deflagradas em maio deste ano, a fim de desarticular uma organização criminosa voltada à lavagem de capitais provenientes do tráfico de drogas.

(Gov.rs)