Saiba como aproveitar a Black Friday brasileira, que acontece a partir de hoje
Connect with us

Economia

Saiba como aproveitar a Black Friday brasileira, que acontece a partir de hoje

Publicado há

em

Foto: Reprodução

A 1ª Semana do Brasil de Black Friday inicia nesta sexta-feira (06) e promete uma avalanche de descontos e ofertas especiais aos consumidores. O evento, que segue até o dia 15 de setembro, tem o objetivo de movimentar a economia e estimular o turismo interno e o varejo

Idealizada pelo governo federal, a chamada Semana do Brasil funcionará nos moldes do evento mundialmente conhecido como Black Friday, ação promocional criada nos Estados Unidos, onde lojistas de todo o país se unem para, toda última sexta-feira de novembro, ou seja, um dia após o feriado de Ação de Graças, oferecer descontos em produtos, atraindo consumidores.

Para aproveitar da melhor forma possível e não cair em furadas, o professor Marcos André Nunes, docente do curso de Administração da faculdade Anhanguera de Porto Alegre, dá algumas dicas:

Notícia Relacionada:  Lula diz a advogados que não quer ir para regime semiaberto

Quais as principais medidas que o consumidor pode e deve tomar para não ser iludido por falsos descontos?

A pesquisa é sempre a melhor ferramenta quando se trata de ações mercadológicas. O ideal é que ela não aconteça somente no momento da compra, mas que o consumidor tenha a preocupação de constantemente monitorar o mercado comparando os preços dos itens que necessita ou deseja.

Caso haja um desconto maior para pagamento à vista, esta é a melhor opção?

Sim. Pagar à vista e, se possível, com desconto é a melhor opção.

É necessário fazer um mapeamento anterior para a comparação de preço?

Sim. É importante acompanhar preços, ofertas e condições. Por isso, a pesquisa é uma excelente estratégia de conhecimento de mercado.

Notícia Relacionada:  Gilmar Mendes ataca procuradores e diz que Lava Jato se tornou “organização criminosa”

É importante pesquisar a idoneidade da loja e consultar os sites que devem ser evitados, estabelecidos pelo Procon?

Com certeza. Com a tecnologia, os consumidores estão mais atentos e participativos. As informações de produtos e serviços são amplamente divulgadas e devem ser consideradas na hora da pesquisa e aquisição de qualquer bem ou serviço.

É importante pesquisar os sites que constam no Reclame Aqui?

Sim. É um outro meio facilitador e que reforça a questão anterior. Faça isso como mais uma opção que irá ajudar a reduzir o risco de erro, identificando os maus prestadores de serviço ou ofertas e propagandas enganosas.

Qual a principal dica para o consumidor?

Pesquise antes de comprar, pois, lembrem-se que já houve período em que não havia concorrência e nem canais de informação que nos direcionassem para uma compra econômica e saudável. Hoje é totalmente o inverno, temos inúmeros canais de informação fornecendo quais organizações são sérias e quais não são.

Notícia Relacionada:  Saiba se você está no 4º lote de restituição do Imposto de Renda

O Sul

loading...
Patrocínio
Patrocínio
Patrocínio