Siga o Porto Alegre 24 Horas no Google News Entre no grupo do Whatsapp

Depois de completar, entre sábado e domingo, aplicação da primeira dose da vacina contra o coronavírus em idosos de até 71 e 70 anos, respectivamente, a prefeitura de Porto Alegre chegará à imunização de parte da população de 66 anos ou mais até a próxima quinta-feira, dia 1º de abril. De acordo com o secretário municipal de Saúde, Mauro Sparta, a Capital tem estoques disponíveis para chegar até esta faixa etária e a expectativa é de que, com a chegada de novas doses, possa avançar para outras idades até o fim da próxima semana.

Nos próximos dias, segundo o titular da pasta, haverá também uma alteração no cronograma seguido ao longo desta semana, em que foram reservados dois dias para cada faixa etária, começando por idosos de 73 anos ou mais até chegar no público de 70 anos ou mais. Sparta afirmou que a procura se deu majoritariamente no primeiro dia. “Fica toda aquela estrutura pronta nos drive-thrus e aparece muito pouca gente. Vamos, a princípio, começar a vacinar a cada dia”, explicou.

Com isso, a partir da próxima segunda-feira, idosos a partir de 69 anos ou mais devem ser vacinados tanto nos drive-thrus como em Unidades Básicas de Saúde (UBS). Atualmente, são 35 unidades imunizando a população, mas o número deve ser ampliado para 40. Na terça, será a vez de idosos a partir dos 68 anos e, na quarta, de 67 anos ou mais. Por fim, na quinta-feira, com os estoques atuais, haverá vacinas para parte dos porto-alegrenses com 66 anos ou mais.

O processo de imunização foi acelerado na Capital após o Ministério da Saúde autorizar, no fim de semana passado, a liberação de estoques de vacinas reservadas para a segunda dose. Nesta sexta, Porto Alegre recebeu a décima remessa de imunizantes, com 39,8 mil doses produzidas pelo Instituto Butantan (CoronaVac), o que permitiu a ampliação do público.

Fonte: Correio do povo